Pular para o conteúdo
Início » Planos de Aula e Conteúdos para Educação Infantil » 10 Planos de Aula para Alfabetização: Educação Infantil

10 Planos de Aula para Alfabetização: Educação Infantil

Confira o Plano de Aula Pronto ao Final

Procurando por planos de aula envolventes para alfabetização e letramento na educação infantil? Você veio ao lugar certo! Neste artigo, vamos apresentar 10 planos de aula que vão encantar as crianças enquanto as auxiliam no aprendizado da leitura e escrita.

10 planos de aula envolventes para alfabetização e letramento na educação infantil

Os seguintes planos de aula serão trabalhados neste artigo:

A alfabetização e o letramento são etapas fundamentais no desenvolvimento das habilidades de linguagem das crianças.

Baita cursos

Tenha Acesso Ilimitado aos Conteúdos da Educação Infantil: Seja Assinante do Site!

Assine Agora por Apenas:

R$ 1,00 ao Mês

Por meio de atividades lúdicas e interativas, é possível estimular o interesse delas pelo universo das palavras e dos textos.

Com os planos de aula que vamos compartilhar aqui, os professores terão acesso a estratégias práticas e criativas para tornar o processo de aprendizado ainda mais divertido e eficiente.

Desde jogos e brincadeiras até atividades de escrita e leitura, há opções para explorar diferentes aspectos do alfabeto e da construção do significado.

Prepare-se para inspirar seus alunos e ajudá-los a se tornarem leitores e escritores cada vez mais proficientes.

Vamos começar?

vamos apresentar 10 planos de aula que vão encantar as crianças enquanto as auxiliam no aprendizado da leitura e escrita.

O que é alfabetização e letramento

Antes de mergulharmos nos planos de aula, é importante entendermos o que significa alfabetização e letramento.

A alfabetização refere-se ao processo de aprendizagem das letras e dos sons que as letras representam. É o momento em que as crianças aprendem a associar os símbolos gráficos aos sons da fala.

Baita cursos

Milhares de Professores já estão desfrutando dos benefícios de nossa assinatura: Seja Assinante do Site!

Assine Agora por Apenas:

R$ 1,00 ao Mês

Por outro lado, o letramento envolve a compreensão do sistema de escrita e sua utilização para a construção de significados.

É a capacidade de ler e escrever de forma competente, compreendendo e produzindo textos diversos.

Ambos os processos são essenciais e complementares. A alfabetização proporciona as bases para o letramento, enquanto o letramento permite a aplicação prática das habilidades de leitura e escrita.

Métodos e abordagens para o ensino da alfabetização e letramento

Existem diferentes métodos e abordagens que podem ser adotados para o ensino da alfabetização e letramento na educação infantil.

A escolha do método mais adequado dependerá do contexto, das características dos alunos e das preferências do professor.

Alguns métodos tradicionais incluem o uso de cartilhas e atividades de repetição, onde as crianças aprendem as letras e seus sons de forma sequencial.

Outras abordagens mais modernas valorizam o uso de jogos, brincadeiras e atividades práticas para tornar o aprendizado mais significativo e prazeroso.

Uma abordagem que tem se mostrado eficaz é a utilização de estratégias multissensoriais, que envolvem diferentes sentidos (visão, audição, tato) no processo de aprendizagem.

Isso ajuda a fortalecer as conexões cerebrais e facilitar a compreensão e retenção das informações.

Independentemente do método ou abordagem escolhidos, é importante que o ensino da alfabetização e letramento seja feito de forma gradual e progressiva, respeitando o ritmo de cada aluno e proporcionando experiências significativas de aprendizagem.

Planejamento de aulas para a introdução de letras e sons

O primeiro passo para ensinar a alfabetização e letramento é introduzir as letras e seus sons de forma gradual e sistemática.

O planejamento de aulas nessa etapa é fundamental para garantir a progressão do aprendizado e a construção de uma base sólida.

Uma estratégia eficaz é começar com as letras mais frequentes e com sons mais simples, como as vogais.

Leia também:

Através de atividades lúdicas, como cantigas, jogos de memória e quebra-cabeças, as crianças podem se familiarizar com as letras e associá-las aos sons correspondentes.

Conforme os alunos vão adquirindo familiaridade com as letras e sons iniciais, é possível introduzir as consoantes e os dígrafos.

Novas atividades e jogos podem ser utilizados para reforçar a aprendizagem e promover a associação entre letras, sons e palavras.

O planejamento de aulas deve incluir também momentos de revisão e consolidação do aprendizado, de forma a garantir que os alunos fixem as informações de maneira duradoura e estejam prontos para avançar para os próximos estágios da alfabetização e letramento.

Atividades envolventes para identificar e formar palavras

Uma vez que as crianças tenham adquirido familiaridade com as letras e sons, é hora de começar a explorar a formação de palavras.

Existem diversas atividades envolventes que podem ser utilizadas nessa etapa, tornando o aprendizado mais divertido e significativo.

Uma atividade simples e eficaz é o jogo da memória com cartas de letras. As crianças devem encontrar pares de cartas que correspondam a uma mesma letra.

Ao virar as cartas, elas têm a oportunidade de identificar e associar os sons às letras.

Outra atividade interessante é o jogo de formar palavras com letras móveis. As crianças podem manipular as letras para criar diferentes palavras, desenvolvendo assim a consciência fonêmica e a habilidade de segmentar e juntar os sons da fala.

Além disso, é possível utilizar jogos digitais e aplicativos educativos que oferecem atividades interativas para formar palavras.

Essas ferramentas tecnológicas podem ser um recurso complementar ao trabalho realizado em sala de aula, proporcionando uma experiência diferenciada e motivadora para as crianças.

Jogos para desenvolver a consciência fonológica

Jogos para desenvolver a consciência fonológica

A consciência fonológica é a habilidade de reconhecer e manipular os sons da fala. É uma competência fundamental para o desenvolvimento da leitura e escrita.

Por isso, é importante incluir atividades e jogos que estimulem essa habilidade no planejamento de aulas de alfabetização e letramento.

Leia também: Plano de Aula Consciência Fonológica: Educação Infantil

Um jogo simples e divertido é o “Bingo das sílabas”. Cada criança recebe uma cartela com sílabas escritas e deve marcar as sílabas que são chamadas pelo professor.

O objetivo é desenvolver a habilidade de identificar e segmentar as sílabas das palavras.

Outro jogo interessante é o “Que palavra é essa?”. O professor diz uma palavra e as crianças devem identificar os sons iniciais, finais e intermediários.

Esse jogo ajuda a desenvolver a consciência fonêmica e a compreensão da estrutura sonora das palavras.

Além dos jogos, é possível utilizar músicas, rimas e trava-línguas para trabalhar a consciência fonológica.

Ao ouvir e repetir essas formas de linguagem, as crianças desenvolvem a percepção dos sons da fala e a capacidade de realizar manipulações sonoras.

Estratégias para desenvolver fluência na leitura e escrita

A fluência na leitura e escrita é o objetivo final da alfabetização e letramento. Uma vez que as crianças tenham adquirido as habilidades básicas, é importante trabalhar para que elas se tornem leitores e escritores fluentes e competentes.

Uma estratégia eficaz para desenvolver fluência na leitura é a leitura em voz alta. O professor pode escolher textos adequados ao nível de leitura dos alunos e incentivar a leitura expressiva, com entonação e ritmo adequados.

Essa prática ajuda a desenvolver a compreensão textual e a habilidade de leitura fluida.

Além disso, é importante oferecer oportunidades para que as crianças pratiquem a escrita de maneira regular.

Pode-se realizar atividades de escrita criativa, como a produção de histórias, cartas e diários. Também é interessante incentivar a escrita de textos mais estruturados, como bilhetes, convites e listas de compras.

Outra estratégia é o uso de jogos e atividades de escrita cooperativa, onde as crianças trabalham em grupo para criar e produzir textos.

Essa prática promove a interação social e a troca de ideias, contribuindo para o desenvolvimento da escrita e a construção de conhecimento coletivo.

projeto sobre animais pode incluir a leitura de livros e revistas sobre o tema

Projetos temáticos para promover a alfabetização e letramento

Uma forma interessante de promover a alfabetização e letramento é através de projetos temáticos.

Esses projetos envolvem a exploração de um tema ou assunto específico, utilizando diferentes recursos e atividades para estimular a leitura e escrita.

Por exemplo, um projeto sobre animais pode incluir a leitura de livros e revistas sobre o tema, a escrita de histórias e cartas relacionadas aos animais, a realização de pesquisas e a criação de murais e maquetes.

Leia também: Plano de Aula sobre Animais: Educação Infantil

Essas atividades permitem que as crianças apliquem as habilidades de leitura e escrita de forma contextualizada e significativa.

Outro exemplo de projeto temático é o estudo de um autor ou autora. As crianças podem ler livros do autor em questão, escrever resenhas e criar ilustrações inspiradas nas obras.

Além disso, é possível realizar dramatizações e debates sobre os temas abordados nos livros.

Os projetos temáticos proporcionam uma integração entre diferentes áreas do conhecimento, promovendo a interdisciplinaridade e a construção de aprendizagens mais abrangentes.

Avaliação e acompanhamento do progresso dos alunos na alfabetização e letramento

A avaliação e o acompanhamento do progresso dos alunos são importantes para verificar a eficácia das estratégias utilizadas e identificar possíveis dificuldades de aprendizagem.

É fundamental que o professor realize uma avaliação contínua e formativa, que oriente o planejamento de aulas e o redirecionamento das atividades.

Uma maneira de avaliar o progresso dos alunos é através da observação sistemática durante as atividades em sala de aula.

O professor pode observar a participação, o envolvimento e o desempenho dos alunos, registrando suas observações para análise posterior.

Além disso, é possível utilizar instrumentos de avaliação mais formais, como listas de verificação e provas escritas.

Esses instrumentos podem ajudar a identificar as habilidades que os alunos já dominam e aquelas que ainda precisam ser desenvolvidas.

No entanto, é importante ressaltar que a avaliação não deve se restringir apenas a testes e provas.

O acompanhamento do progresso dos alunos deve ser feito de forma abrangente, considerando diferentes aspectos do desenvolvimento da alfabetização e letramento, como a fluência na leitura, a capacidade de compreensão e a expressão escrita.

dicas para professores da educação infantil

Considerações finais e dicas para professores da educação infantil

A alfabetização e letramento são processos complexos e desafiadores, mas também extremamente gratificantes.

Para ajudar os professores da educação infantil nessa jornada, aqui estão algumas dicas finais:

  1. Conheça seus alunos: Cada criança é única e tem seu próprio ritmo de aprendizagem. Conhecer as características individuais de cada aluno ajuda a adaptar as atividades e estratégias de ensino de acordo com suas necessidades.
  2. Promova um ambiente acolhedor: Um ambiente seguro e acolhedor é essencial para o desenvolvimento da alfabetização e letramento. Crie um espaço agradável, com materiais e recursos que estimulem a curiosidade e o interesse das crianças pela linguagem escrita e oral.
  3. Incentive a leitura em casa: A parceria com os pais é fundamental para o sucesso da alfabetização e letramento. Incentive-os a lerem para seus filhos, proporcionando momentos de leitura compartilhada e estimulando o contato com diferentes tipos de textos.
  4. Esteja aberto a novas abordagens: O ensino da alfabetização e letramento está em constante evolução. Esteja aberto a novas abordagens, recursos e tecnologias que possam enriquecer suas práticas pedagógicas.
  5. Valorize o progresso individual: Cada pequeno avanço é uma conquista. Valorize o progresso individual de cada aluno, celebrando suas conquistas e oferecendo apoio e orientação quando necessário.

Lembre-se, ensinar alfabetização e letramento é um desafio que requer dedicação e criatividade. Com os planos de aula e estratégias adequadas, você será capaz de inspirar seus alunos e ajudá-los a se tornarem leitores e escritores competentes e apaixonados pela linguagem escrita.

Planos de Aula para Alfabetização e Letramento

Confira a seguir 10 planos de aula para trabalhar a alfabetização e o letramento de seus alunos:

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Objetivo Geral:
  • Promover o desenvolvimento da identidade pessoal e social das crianças, por meio da exploração e valorização do próprio nome.
  • Objetivos Específicos:
  • Reconhecer e valorizar o próprio nome como parte da identidade pessoal.
  • Estimular a criatividade e expressão das crianças por meio de atividades relacionadas ao nome.
  • Desenvolver a coordenação motora fina ao manipular materiais para escrever o nome.
  • Promover a interação e cooperação entre as crianças durante as atividades.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • Campo de Experiências: O Eu, o Outro e o Nós
  • (EI03EO01) Demonstrar empatia pelos outros, percebendo que as pessoas têm diferentes sentimentos, necessidades e maneiras de pensar e agir.
  • (EI03EO04) Comunicar suas ideias e sentimentos a pessoas e grupos diversos.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • CONVIVER: Respeitar as diferenças entre as pessoas e valorizar a identidade de cada um.
  • BRINCAR: Estimular a criatividade e expressão das crianças.
  • PARTICIPAR: Incentivar a interação e cooperação entre os alunos.
  • EXPLORAR: Estimular a curiosidade e a descoberta em relação ao próprio nome.
  • EXPRESSAR: Incentivar a comunicação e expressão de ideias e sentimentos.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Exploração e valorização do próprio nome.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • Roda de conversa para apresentação e discussão sobre a importância do nome.
  • Atividades lúdicas de reconhecimento e escrita do nome.
  • Atividades artísticas de decoração e personalização do nome.
  • Trabalho em grupo para criar um mural com os nomes das crianças.

ATIVIDADES:

  1. Roda de Conversa: Iniciar a aula com uma roda de conversa sobre a importância do nome, incentivando as crianças a compartilharem curiosidades e histórias relacionadas aos seus nomes.
  2. Atividade de Reconhecimento: Propor uma atividade em que as crianças possam reconhecer e apontar o seu próprio nome em cartões ou fichas.
  3. Atividade de Escrita: Disponibilizar materiais (lápis, giz de cera, etc.) para que as crianças possam escrever seus nomes em folhas de papel, estimulando a coordenação motora fina.
  4. Atividade Artística: Propor uma atividade de decoração do nome, utilizando materiais como glitter, adesivos, tintas, entre outros, para personalizar e tornar o nome mais atrativo.
  5. Montagem do Mural: Organizar as crianças em grupos para montar um mural coletivo com os nomes de todos os colegas, promovendo a interação e cooperação entre elas.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Cartões ou fichas com os nomes das crianças.
  • Materiais de escrita (lápis, giz de cera, etc.).
  • Materiais artísticos para decoração.
  • Papel e cartolina para o mural.

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • Observação do envolvimento e participação das crianças nas atividades.
  • Verificação do reconhecimento e escrita correta do próprio nome.
  • Avaliação da interação e cooperação durante as atividades em grupo.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  1. Roda de Conversa sobre o Nome
  2. Atividade de Reconhecimento do Nome
  3. Atividade de Escrita do Nome
  4. Atividade Artística de Decoração do Nome
  5. Montagem do Mural com os Nomes

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Objetivo Geral:
    • Desenvolver o reconhecimento e a identificação das vogais, associando-as a objetos do cotidiano.
  • Objetivos Específicos:
    • Reconhecer as vogais do alfabeto.
    • Associar as vogais a objetos do cotidiano.
    • Desenvolver a consciência fonológica por meio do reconhecimento das vogais.
    • Estimular a criatividade e a expressão por meio da associação de vogais a objetos.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

Campo de Experiências: O Eu, o Outro e o Nós

  • (EI03EO01) Demonstrar empatia pelos outros, percebendo que as pessoas têm diferentes sentimentos, necessidades e maneiras de pensar e agir.
  • (EI03EO02) Agir de maneira independente, com confiança em suas capacidades, reconhecendo suas conquistas e limitações.
  • (EI03EO04) Comunicar suas ideias e sentimentos a pessoas e grupos diversos.

Campo de Experiências: Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

  • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita (escrita espontânea), de fotos, desenhos e outras formas de expressão.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • CONVIVER: Respeitar a cultura e as diferenças entre as pessoas.
  • BRINCAR: Ampliar o conhecimento por meio da imaginação e criatividade.
  • PARTICIPAR: Desenvolver diferentes linguagens e elaborar conhecimentos.
  • EXPLORAR: Ampliar os saberes sobre a cultura.
  • EXPRESSAR: Expressar necessidades, emoções e sentimentos por meio de diferentes linguagens.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Reconhecimento das vogais (A, E, I, O, U).
  • Associação das vogais a objetos do cotidiano.
  • Expressão oral das vogais.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • A aula será desenvolvida de forma lúdica e interativa, com uso de músicas, jogos e brincadeiras para estimular o reconhecimento das vogais. Serão utilizadas atividades práticas e sensoriais para associar as vogais a objetos do cotidiano.

ATIVIDADES:

  1. Caça às Vogais: Os alunos irão procurar objetos na sala de aula que comecem com as vogais A, E, I, O, U, e apresentar para os colegas.
  2. Música das Vogais: Cantar uma música que destaque as vogais e associar cada uma delas a um gesto ou movimento.
  3. Jogo da Memória das Vogais: Elaborar um jogo da memória com cartas contendo figuras de objetos e suas respectivas vogais iniciais.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Cartas com figuras de objetos.
  • Músicas com destaque para as vogais.
  • Material para as atividades práticas (objetos do cotidiano).

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • A avaliação será realizada de forma contínua e formativa, observando a participação dos alunos nas atividades, o reconhecimento das vogais e a associação correta com os objetos do cotidiano.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Apresentação das vogais e associação com objetos.
  • Aula 2: Atividades práticas de reconhecimento das vogais.
  • Aula 3: Jogos e brincadeiras para fixação das vogais.
  • Aula 4: Avaliação do reconhecimento das vogais e associação com objetos.

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Objetivo Geral: Promover o letramento por meio da contação de histórias, estimulando a imaginação, a criatividade e o desenvolvimento da linguagem oral e escrita.
  • Objetivos Específicos:
  1. Desenvolver a habilidade de ouvir e compreender histórias.
  2. Estimular a expressão oral e a capacidade de contar histórias.
  3. Incentivar a criatividade na criação de narrativas.
  4. Promover o interesse pela leitura e escrita.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • Campo de Experiências: Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação
  • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita.
  • (EI03EF02) Inventar brincadeiras cantadas, poemas e canções, criando rimas, aliterações e ritmos.
  • (EI03EF04) Recontar histórias ouvidas e planejar coletivamente roteiros de vídeos e de encenações.
  • (EI03EF05) Recontar histórias ouvidas para produção de reconto escrito.
  • (EI03EF06) Produzir suas próprias histórias orais e escritas em situações com função social significativa.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Brincar cotidianamente de diversas formas, em diferentes espaços e tempos, com diferentes parceiros, ampliando e diversificando seu acesso a produções culturais e suas experiências emocionais, expressivas, cognitivas, sociais e relacionais.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Contação de histórias
  • Expressão oral
  • Criatividade na criação de narrativas

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

Para trabalhar o tema da contação de histórias para o letramento, sugere-se uma metodologia ativa e participativa. Inicie a aula com uma roda de conversa sobre a importância das histórias e como elas podem nos ensinar coisas novas. Em seguida, apresente uma história para os alunos, incentivando a participação e a interação durante a narrativa. Após a contação, estimule os alunos a recontarem a história, seja oralmente ou por meio de desenhos.

ATIVIDADES:

  1. Contação de História: Conte uma história para os alunos, utilizando recursos como fantoches, livros ilustrados ou objetos cênicos para tornar a narrativa mais atrativa.
  2. Reconto Oral: Após a contação, estimule os alunos a recontarem a história, cada um contribuindo com partes da narrativa.
  3. Produção de Desenhos: Peça para os alunos desenharem uma cena da história que mais gostaram, incentivando a expressão artística.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Livros de histórias
  • Fantoches
  • Objetos cênicos
  • Papel e lápis de cor

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

A avaliação será realizada de forma contínua e formativa, observando a participação dos alunos durante a contação de histórias, a capacidade de recontar a narrativa e a criatividade na produção de desenhos.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Contação de história e reconto oral
  • Aula 2: Produção de desenhos sobre a história
  • Aula 3: Roda de conversa sobre as histórias preferidas dos alunos e novas contações.

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Objetivo Geral:
    Desenvolver habilidades de linguagem e alfabetização, por meio da montagem de quebra-cabeças das letras do alfabeto, estimulando a criatividade, coordenação motora e o reconhecimento das letras.
  • Objetivos Específicos:
  1. Reconhecer e nomear as letras do alfabeto.
  2. Desenvolver a coordenação motora fina.
  3. Estimular a concentração e atenção.
  4. Promover a interação e colaboração entre os alunos.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • Campo de Experiências: O Eu, o Outro e o Nós
  • (EI03EO04) Comunicar suas ideias e sentimentos a pessoas e grupos diversos.
  • (EI03EO05) Demonstrar valorização das características de seu corpo e respeitar as características dos outros (crianças e adultos) com os quais convive.
  • Campo de Experiências: Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação
  • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita (escrita espontânea), de fotos, desenhos e outras formas de expressão.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Conviver com outras crianças e adultos, em pequenos e grandes grupos, utilizando diferentes linguagens, ampliando o conhecimento de si e do outro, o respeito em relação à cultura e às diferenças entre as pessoas.
  • Brincar cotidianamente de diversas formas, em diferentes espaços e tempos, com diferentes parceiros (crianças e adultos), ampliando e diversificando seu acesso a produções culturais, seus conhecimentos, sua imaginação, sua criatividade, suas experiências emocionais, corporais, sensoriais, expressivas, cognitivas, sociais e relacionais.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Reconhecimento e nomeação das letras do alfabeto.
  • Coordenação motora fina.
  • Concentração e atenção.
  • Interatividade e colaboração.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • A aula será desenvolvida de forma lúdica e interativa, com a apresentação do quebra-cabeça das letras do alfabeto. Os alunos serão estimulados a montar o quebra-cabeça em grupo, incentivando a comunicação e colaboração entre eles.

ATIVIDADES:

  1. Montagem do quebra-cabeça das letras:
    Os alunos serão divididos em grupos e cada grupo receberá um quebra-cabeça das letras do alfabeto. Eles deverão montar o quebra-cabeça juntos, nomeando as letras conforme forem encaixando as peças.
  2. Jogo de adivinhação:
    Após a montagem do quebra-cabeça, os alunos poderão participar de um jogo de adivinhação, onde um aluno escolherá uma letra e os colegas terão que encontrar a peça correspondente no quebra-cabeça.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Quebra-cabeça das letras do alfabeto.
  • Espaço adequado para as atividades.
  • Material de apoio para registro, se necessário.

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • A avaliação será realizada de forma contínua, observando a participação dos alunos na montagem do quebra-cabeça, sua capacidade de reconhecer e nomear as letras, bem como sua interação e colaboração com os colegas.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1:
    Apresentação do quebra-cabeça das letras e formação dos grupos.
  • Aula 2:
    Montagem do quebra-cabeça em grupo e jogo de adivinhação.
  • Aula 3:
    Revisão das letras do alfabeto e atividades complementares, se necessário

PLANO DE AULA: Explorando o alfabeto com materiais sensoriais

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Despertar o interesse das crianças pelo alfabeto de forma lúdica e sensorial.
  • Estimular a coordenação motora fina e a percepção tátil.
  • Promover a interação e a socialização entre as crianças.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita (escrita espontânea), de fotos, desenhos e outras formas de expressão.
  • (EI03TS02) Expressar-se livremente por meio de desenho, pintura, colagem, dobradura e escultura, criando produções bidimensionais e tridimensionais.
  • (EI03EO01) Demonstrar empatia pelos outros, percebendo que as pessoas têm diferentes sentimentos, necessidades e maneiras de pensar e agir.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • CONVIVER: Respeitar as diferenças entre as pessoas.
  • BRINCAR: Explorar o alfabeto de forma criativa.
  • PARTICIPAR: Interagir com os materiais sensoriais e com os colegas.
  • EXPLORAR: Descobrir as letras de forma tátil e visual.
  • EXPRESSAR: Comunicar suas descobertas e sentimentos durante a atividade.
  • CONHECER-SE: Reconhecer as próprias preferências e interesses em relação ao alfabeto.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Corpo, Gestos e Movimentos
  • Traços, Sons, Cores e Formas

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Exploração do alfabeto utilizando materiais sensoriais como areia colorida, massinha, letras magnéticas, entre outros.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • Iniciar a aula com uma roda de conversa sobre o alfabeto e a importância de conhecer as letras.
  • Apresentar os materiais sensoriais e explicar como serão utilizados.
  • Permitir que as crianças explorem livremente os materiais, criando letras, palavras ou simplesmente explorando as texturas.
  • Estimular a interação entre as crianças, incentivando a troca de ideias e a colaboração.

ATIVIDADES:

  1. Caça às letras: Espalhar letras pelo chão e pedir para as crianças encontrarem e organizarem em ordem alfabética.
  2. Construção de palavras: Utilizar os materiais sensoriais para formar palavras simples, como o nome dos colegas.
  3. Escrita livre: Deixar que as crianças escrevam as letras ou palavras que desejam, utilizando os materiais disponíveis.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Areia colorida
  • Massinha
  • Letras magnéticas
  • Papel e lápis de cor

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • Observação do interesse e participação das crianças durante as atividades.
  • Verificar a capacidade de reconhecer e utilizar as letras de forma criativa.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • 1ª aula: Introdução ao tema e exploração dos materiais.
  • 2ª aula: Atividades práticas com as letras e palavras.
  • 3ª aula: Consolidação das aprendizagens e avaliação final.

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Objetivo Geral:
    Desenvolver a criatividade, a expressão oral e a coordenação motora das crianças por meio de atividades lúdicas envolvendo rimas e sons.
  • Objetivos Específicos:
  1. Identificar e reproduzir rimas simples.
  2. Explorar diferentes sons por meio de instrumentos musicais e objetos do cotidiano.
  3. Estimular a expressão oral e a comunicação por meio de brincadeiras com rimas e sons.
  4. Desenvolver a coordenação motora fina ao realizar atividades artísticas relacionadas ao tema.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • O Eu, o Outro e o Nós:
  • (EI03EO01) Demonstrar empatia pelos outros, percebendo que as pessoas têm diferentes sentimentos, necessidades e maneiras de pensar e agir.
  • (EI03EO04) Comunicar suas ideias e sentimentos a pessoas e grupos diversos.
  • (EI03EO06) Manifestar interesse e respeito por diferentes culturas e modos de vida.
  • Corpo, Gestos e Movimentos:
  • (EI03CG01) Criar com o corpo formas diversificadas de expressão de sentimentos, sensações e emoções.
  • (EI03CG03) Criar movimentos, gestos, olhares e mímicas em brincadeiras, jogos e atividades artísticas.
  • Traços, Sons, Cores e Formas:
  • (EI03TS01) Utilizar sons produzidos por materiais, objetos e instrumentos musicais durante brincadeiras de faz de conta.
  • (EI03TS02) Expressar-se livremente por meio de desenho, pintura, colagem, dobradura e escultura.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Conviver
  • Brincar
  • Participar
  • Explorar
  • Expressar
  • Conhecer-se

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Corpo, Gestos e Movimentos
  • Traços, Sons, Cores e Formas

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Rimas simples
  • Sons produzidos por instrumentos musicais e objetos do cotidiano

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:
A metodologia utilizada será a ludopedagogia, com foco em atividades lúdicas que estimulem a criatividade e a expressão das crianças. Serão realizadas brincadeiras, jogos e atividades artísticas que envolvam rimas e sons.

ATIVIDADES:

  1. Brincadeira das rimas: Os alunos serão divididos em grupos e terão que criar rimas simples, alternando entre si.
  2. Exploração de sons: As crianças terão a oportunidade de explorar diferentes sons utilizando instrumentos musicais e objetos do cotidiano.
  3. Atividade artística: As crianças poderão expressar suas emoções e sentimentos por meio de desenhos, pinturas e colagens relacionadas ao tema.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Instrumentos musicais (se disponíveis)
  • Objetos do cotidiano para produção de sons
  • Materiais artísticos (papel, lápis de cor, tintas, pincéis)
  • Espaço adequado para as atividades

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:
A avaliação será realizada de forma contínua e formativa, observando a participação e o envolvimento das crianças nas atividades propostas, bem como o desenvolvimento de suas habilidades de expressão oral, criatividade e coordenação motora.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Brincadeira das rimas
  • Aula 2: Exploração de sons
  • Aula 3: Atividade artística com rimas e sons

PLANO DE AULA: Explorando a escrita através de desenhos

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Geral: Estimular a criatividade e o interesse das crianças pela escrita, por meio da associação com desenhos.
  • Específicos:
  1. Demonstrar interesse e curiosidade em relação à escrita.
  2. Experimentar diferentes formas de expressar ideias por meio de desenhos.
  3. Associar desenhos a palavras e frases simples.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • Campo de Experiências: Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação
  • Códigos:
  • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita (escrita espontânea), de fotos, desenhos e outras formas de expressão.
  • (EI03EF02) Inventar brincadeiras cantadas, poemas e canções, criando rimas, aliterações e ritmos.
  • (EI03EF06) Produzir suas próprias histórias orais e escritas (escrita espontânea) em situações com função social significativa.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Participar ativamente, com adultos e outras crianças, tanto do planejamento da gestão da escola e das atividades propostas pelo educador quanto da realização das atividades da vida cotidiana, tais como a escolha das brincadeiras, dos materiais e dos ambientes, desenvolvendo diferentes linguagens e elaborando conhecimentos, decidindo e se posicionando.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Exploração da escrita por meio de desenhos.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • Inicialmente, apresentar às crianças materiais como lápis de cor, giz de cera e papel para desenho.
  • Estimular as crianças a desenharem livremente, sem restrições, incentivando a criatividade.
  • Após o momento de desenho, propor que cada criança conte sobre o que desenhou, associando palavras e frases simples aos desenhos.

ATIVIDADES:

  1. Desenho Livre:
  • As crianças terão um tempo para desenhar livremente, utilizando os materiais disponíveis.
  1. Associação de Palavras:
  • Após o desenho, cada criança deverá falar sobre o que desenhou, associando palavras e frases simples aos seus desenhos.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Lápis de cor
  • Giz de cera
  • Papel para desenho

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • Observação do interesse e da participação das crianças durante as atividades.
  • Verificação da capacidade de associação de palavras aos desenhos realizados.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Apresentação dos materiais e início da atividade de desenho livre.
  • Aula 2: Continuação da atividade de desenho livre e início da associação de palavras aos desenhos.
  • Aula 3: Conclusão da atividade de associação de palavras e feedback individual com cada criança.

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

Objetivo Geral:

  • Estimular o desenvolvimento da linguagem oral e escrita das crianças, por meio da descoberta de novas palavras e do estímulo à criatividade.

Objetivos Específicos:

  • Reconhecer e identificar novas palavras.
  • Ampliar o vocabulário.
  • Estimular a criatividade na construção de palavras.
  • Desenvolver a linguagem oral e escrita.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

Campo de Experiências: Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

  • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita.
  • (EI03EF02) Inventar brincadeiras cantadas, poemas e canções, criando rimas, aliterações e ritmos.
  • (EI03EF03) Escolher e folhear livros, procurando orientar-se por temas e ilustrações e tentando identificar palavras conhecidas.
  • (EI03EF06) Produzir suas próprias histórias orais e escritas em situações com função social significativa.
  • (EI03EF09) Levantar hipóteses em relação à linguagem escrita, realizando registros de palavras e textos por meio de escrita espontânea.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Expressar, como sujeito dialógico, criativo e sensível, suas necessidades, emoções, sentimentos, dúvidas, hipóteses, descobertas, opiniões, questionamentos, por meio de diferentes linguagens.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Descoberta de novas palavras.
  • Ampliação do vocabulário.
  • Criatividade na construção de palavras.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • A metodologia utilizada será lúdica e participativa, envolvendo atividades que estimulem a oralidade, a escrita e a criatividade das crianças. Serão propostas atividades dinâmicas e interativas, que estimulem a descoberta de novas palavras de forma divertida.

ATIVIDADES:

  1. Caça-palavras: Preparar um jogo de caça-palavras com palavras simples e conhecidas pelas crianças, para que identifiquem e marquem as palavras encontradas.
  2. Montagem de palavras: Propor que as crianças formem novas palavras a partir de sílabas soltas, estimulando a criatividade na construção de palavras.
  3. Contação de histórias: Contar histórias que contenham palavras desconhecidas pelas crianças, incentivando a curiosidade e a busca pelo significado das palavras.
  4. Produção de textos: Estimular as crianças a escrever pequenos textos utilizando as novas palavras descobertas, promovendo a prática da escrita.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Lápis de cor, papel sulfite, material para caça-palavras, livros com histórias diversificadas.

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • A avaliação será realizada de forma contínua e formativa, observando a participação e o desenvolvimento das crianças nas atividades propostas. Será levado em consideração o interesse, a criatividade e o avanço na identificação e construção de novas palavras.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Caça-palavras
  • Aula 2: Montagem de palavras
  • Aula 3: Contação de histórias
  • Aula 4: Produção de textos

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

  • Objetivo Geral:
    • Desenvolver a linguagem oral e escrita das crianças, por meio da construção de palavras, incentivando a criatividade e a expressão.
  • Objetivos Específicos:
    • Identificar e reconhecer letras do alfabeto.
    • Formar palavras a partir das letras identificadas.
    • Desenvolver a coordenação motora fina ao manipular letras e formar palavras.
    • Estimular a criatividade e expressão das crianças ao construírem palavras.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

  • Campo de Experiências: Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação
    • (EI03EF01) Expressar ideias, desejos e sentimentos sobre suas vivências, por meio da linguagem oral e escrita.
    • (EI03EF09) Levantar hipóteses em relação à linguagem escrita, realizando registros de palavras e textos por meio de escrita espontânea.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Conviver:
    • Demonstrar empatia pelos outros, percebendo que as pessoas têm diferentes sentimentos, necessidades e maneiras de pensar e agir.
  • Brincar:
    • Criar com o corpo formas diversificadas de expressão de sentimentos, sensações e emoções.
  • Participar:
    • Comunicar suas ideias e sentimentos a pessoas e grupos diversos.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • O Eu, o Outro e o Nós
  • Corpo, Gestos e Movimentos
  • Traços, Sons, Cores e Formas
  • Escuta, Fala, Pensamento e Imaginação

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Identificação e reconhecimento das letras do alfabeto.
  • Formação de palavras a partir das letras identificadas.
  • Estimulação da criatividade e expressão por meio da construção de palavras.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:

  • A aula será desenvolvida de forma lúdica e interativa, com o uso de jogos e atividades que estimulem a identificação e formação de palavras.

ATIVIDADES:

  1. Caça às Letras: Espalhar letras do alfabeto pelo espaço da sala e pedir para as crianças encontrarem e identificarem as letras.
  2. Montando Palavras: Disponibilizar cartões com figuras e letras para que as crianças formem palavras correspondentes às imagens.
  3. Ditado de Palavras: O professor dita palavras e as crianças devem identificar e escrever as letras correspondentes.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Cartões com letras e figuras.
  • Letras do alfabeto para manipulação.
  • Lousa e giz para atividades escritas.

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

  • A avaliação será feita de forma contínua, observando a participação e o desenvolvimento das crianças nas atividades propostas.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Caça às Letras.
  • Aula 2: Montando Palavras.
  • Aula 3: Ditado de Palavras.

OBJETIVOS GERAIS E ESPECÍFICOS:

Objetivo Geral:
Desenvolver a habilidade de desenhar e escrever os números de forma lúdica e criativa, estimulando o interesse das crianças pela matemática.

Objetivos Específicos:

  • Reconhecer e identificar os números de 0 a 10.
  • Desenvolver a coordenação motora fina ao desenhar e escrever os números.
  • Estimular a criatividade e a expressão artística por meio da escrita e desenho dos números.
  • Fixar o conceito de quantidade correspondente a cada número.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO:

Campo de Experiências: Traços, Sons, Cores e Formas

  • (EI03TS02) Expressar-se livremente por meio de desenho, pintura, colagem, dobradura e escultura, criando produções bidimensionais e tridimensionais.

DIREITOS DE APRENDIZAGEM:

  • Explorar movimentos, gestos, sons, formas, texturas, cores, palavras, emoções, transformações, relacionamentos, histórias, objetos, elementos da natureza, ampliando seus saberes sobre a cultura.
  • Expressar, como sujeito dialógico, criativo e sensível, suas necessidades, emoções, sentimentos, dúvidas, hipóteses, descobertas, opiniões, questionamentos, por meio de diferentes linguagens.

CAMPOS DE EXPERIÊNCIA:

  • Traços, Sons, Cores e Formas

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

  • Reconhecimento e identificação dos números de 0 a 10.
  • Desenho e escrita dos números.
  • Relação entre quantidade e numeral correspondente.

METODOLOGIA PEDAGÓGICA:
Para trabalhar o tema “Desenhando e Escrevendo Números”, será utilizada uma metodologia lúdica e exploratória, que envolva atividades práticas e criativas para estimular o aprendizado dos alunos de forma significativa.

ATIVIDADES:

  1. Desenhando os Números:
  • Distribuir folhas de papel e lápis de cor para cada aluno.
  • Pedir para que os alunos desenhem os números de 0 a 10, utilizando cores diferentes e criando padrões visuais.
  1. Escrita dos Números:
  • Apresentar cartões com os números de 0 a 10 escritos.
  • Pedir para que os alunos copiem os números em seus cadernos, prestando atenção na forma de cada numeral.
  1. Relação Número e Quantidade:
  • Propor atividades de associação entre os números e a quantidade correspondente, utilizando objetos como blocos ou fichas.
  • Pedir para que os alunos desenhem a quantidade de objetos correspondente a cada número.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Folhas de papel
  • Lápis de cor
  • Cartões com os números de 0 a 10
  • Objetos para atividades de associação número-quantidade

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:
A avaliação será realizada de forma contínua e formativa, observando o desenvolvimento individual de cada aluno na identificação e escrita dos números, além da compreensão da relação entre número e quantidade.

CRONOGRAMA DE AULAS:

  • Aula 1: Apresentação dos números e atividade de desenho.
  • Aula 2: Escrita dos números e associação número-quantidade.
  • Aula 3: Revisão e consolidação dos aprendizados.
5/5 - (1 vote)
Compartilhe este Post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo Exclusivo para Assinantes. Seja ASSINANTE para Ter Acesso Integral:

check boxPlanos de Aula para Educação Infantil;
check boxIdeias e Dicas de Atividades;
check boxPasso a Passo de Aulas;
check boxFerramentas Inteligentes;

Atenção! Somente Hoje: Assine e Ganhe 1000 Atividades para Imprimir!👇

Seja ASSINANTE e Tenha Acesso Integral:

check boxPlanos de Aula para Educação Infantil;
check boxIdeias e Dicas de Atividades;

check boxPasso a Passo de Aulas;
check boxFerramentas Inteligentes;

Atenção! Somente Hoje: Assine e Ganhe 1000 Atividades para Imprimir!👇