Pular para o conteúdo
Início » Mapa do Site » Plano de Aula sobre Folclore para Alunos do Ensino Fundamental 2

Plano de Aula sobre Folclore para Alunos do Ensino Fundamental 2

O folclore, com suas lendas encantadoras, personagens fantásticos e tradições envolventes, é um tesouro inestimável que merece um plano de aula focado e divertido! Neste artigo, veremos como elaborar um plano de aula sobre o folclore brasileiro para os alunos do ensino fundamental 2.

Planos ProntosAmostras
Educação InfantilAmostra Grátis
Fundamental 1Amostra Grátis
Fundamental 2Amostra Grátis
Ensino MédioAmostra Grátis
Planos de Aula Prontos e Editáveis com Códigos da BNCC

Bem-vindos, educadores apaixonados por transmitir não apenas conhecimento, mas também a riqueza cultural que molda nossa identidade brasileira!

Introdução

Hoje, embarcaremos em uma jornada fascinante pela história e evolução do folclore brasileiro, desvendando os segredos por trás de suas narrativas e mostrando como você pode desenvolver um plano de aula abrangente e envolvente sobre o tema.

Desde as profundezas da Amazônia até as vastas planícies do Sul, o Brasil é um caldeirão de culturas que se entrelaçam e se manifestam de maneiras únicas através do folclore.

Ao longo das décadas, essas tradições têm cativado gerações, transmitindo lições, valores e um profundo senso de identidade.

Veremos, de fato, a história e a evolução do folclore brasileiro, e também forneceremos orientações práticas sobre como desenvolver um plano de aula envolvente que desperte o interesse e a curiosidade dos alunos do ensino fundamental 2.

Além disso, responderemos às perguntas mais frequentes sobre o tema, desmistificando conceitos e fornecendo insights valiosos para auxiliá-lo em sua jornada de ensino.

Por fim, deixaremos um exemplo de plano de aula pronto para você usar e adaptar livremente com seus alunos.

Plano de Aula sobre Folclore

O folclore é uma parte importante da cultura brasileira, e é uma excelente oportunidade para os alunos do ensino fundamental 2 aprenderem sobre a história, as tradições e a diversidade do país.

Pós em Educação Especial Inclusiva
Pós em Gestão Escolar
Pós em Alfabetização e Letramento
Pós em Psicopedagogia
* Consulte os descontos e condições na página de cada curso

No entanto, muitos professores podem se sentir perdidos ao planejar uma aula sobre folclore, especialmente se não tiverem muita experiência no assunto.

Felizmente, existem algumas dicas e estratégias que podem ajudar os educadores a criar um plano de aula eficaz e envolvente sobre folclore para seus alunos.

Ao planejar uma aula sobre folclore, é importante começar definindo o que é o folclore e qual é a sua origem. O folclore é composto por histórias, canções, danças, lendas e outras tradições passadas de geração em geração.

Ele reflete a cultura e a identidade de um povo, e é uma parte importante da história e da sociedade brasileira.

Ao entender a definição e a origem do folclore, os professores podem ajudar seus alunos a compreender melhor a importância do tema e a se envolverem mais nas atividades.

Outra etapa importante no planejamento de uma aula sobre folclore é o desenvolvimento de atividades que envolvam os alunos.

Os educadores devem criar atividades que sejam divertidas e interativas, e que ajudem os alunos a aprenderem sobre as tradições e a cultura do país.

Além disso, é importante utilizar recursos didáticos e materiais que sejam apropriados para a idade e o nível de conhecimento dos alunos, e que ajudem a tornar a aula mais interessante e envolvente.

Pontos Principais

  • O folclore é uma parte importante da cultura brasileira, e pode ser uma excelente oportunidade para os alunos do ensino fundamental 2 aprenderem sobre a história, as tradições e a diversidade do país.
  • Ao planejar uma aula sobre folclore, é importante definir o que é o folclore e qual é a sua origem, e desenvolver atividades que sejam divertidas e interativas.
  • Os educadores devem utilizar recursos didáticos e materiais apropriados para a idade e o nível de conhecimento dos alunos, e avaliar o progresso dos alunos através de feedback construtivo.

Definição e Origem do Folclore

Definição e Origem do Folclore

O que é Folclore?

O folclore é um conjunto de tradições, costumes, lendas, crenças, danças, festas e outras manifestações culturais populares transmitidas de geração em geração.

Essas tradições são passadas oralmente e se tornam parte da cultura de um povo. O termo “folclore” vem da junção de duas palavras: “folk”, que significa povo, e “lore”, que significa conhecimento ou sabedoria.

História e Evolução

A palavra “folclore” foi criada em 1846 pelo pesquisador britânico William John Thoms para descrever as tradições populares da Inglaterra.

Desde então, o termo se espalhou pelo mundo e cada país tem seu próprio folclore. No Brasil, o folclore é uma parte importante da cultura popular brasileira e inclui lendas, mitos, danças, festas, culinária e muito mais.

O folclore brasileiro é uma mistura de várias culturas, incluindo as indígenas, africanas e europeias. Muitas lendas e histórias são contadas em diferentes regiões do país, como o Saci-Pererê, a Cuca, o Lobisomem, a Iara, entre outros.

Além disso, existem muitas danças folclóricas brasileiras, como o frevo, o bumba-meu-boi, o carimbó, o maracatu, entre outros.

Assim, o folclore é uma parte importante da cultura popular brasileira e deve ser valorizado e preservado. Ao ensinar sobre o folclore brasileiro para os alunos do ensino fundamental, é possível ajudá-los a entender melhor a história e a cultura do país.

Elaborando o Plano de Aula

Elaborando o Plano de Aula

Ao elaborar um plano de aula sobre folclore para alunos do ensino fundamental 2, é importante considerar os objetivos a serem alcançados e as competências a serem desenvolvidas pelos estudantes.

Além disso, é fundamental alinhar o plano de aula com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e a legislação educacional vigente.

Objetivos e Competências

Os objetivos do plano de aula devem estar alinhados com a proposta pedagógica da escola e com os objetivos gerais do ensino fundamental 2.

É importante que os objetivos sejam claros, específicos e mensuráveis, para que o professor possa avaliar o desempenho dos alunos ao final da aula.

As competências a serem desenvolvidas pelos alunos devem ser relacionadas ao folclore e às habilidades cognitivas, de linguagem, raciocínio e imaginação.

O professor pode utilizar atividades lúdicas e interativas para estimular o interesse dos alunos e promover a aprendizagem significativa.

Exemplo

Objetivos:

  1. Reconhecer manifestações folclóricas brasileiras:
    • Identificar e descrever diferentes expressões do folclore brasileiro, como lendas, festas populares, danças, músicas e costumes.
  2. Analisar a diversidade cultural:
    • Compreender a pluralidade cultural presente no folclore brasileiro, destacando as influências indígenas, africanas e europeias nas manifestações populares.
  3. Estimular a criatividade:
    • Incentivar a produção de narrativas folclóricas próprias, promovendo a imaginação e a criatividade dos alunos na criação de personagens, histórias e elementos folclóricos.
  4. Desenvolver o respeito às tradições:
    • Valorizar e respeitar as tradições culturais presentes no folclore, promovendo o entendimento da importância de preservar e celebrar essas manifestações.

Competências:

  1. Compreensão Cultural:
    • Reconhecer a diversidade cultural presente no folclore brasileiro, compreendendo a influência de diferentes grupos étnicos e regionais nas manifestações folclóricas.
  2. Expressão Oral e Escrita:
    • Elaborar narrativas, apresentações orais e produções escritas que expressem conhecimentos adquiridos sobre o folclore, desenvolvendo a capacidade de comunicação.
  3. Pensamento Crítico:
    • Analisar de forma crítica as narrativas folclóricas, identificando valores culturais, simbolismos e reflexões presentes nas histórias e tradições.
  4. Criatividade e Imaginação:
    • Expressar a criatividade ao criar personagens, histórias ou representações artísticas inspiradas no folclore, estimulando a imaginação e o pensamento inovador.
  5. Respeito à Diversidade:
    • Desenvolver a consciência sobre a importância de respeitar e valorizar as diferentes expressões culturais presentes no folclore, promovendo o entendimento e a aceitação das diversidades.

Lembrando que esses exemplos são sugestões e podem ser adaptados conforme as especificidades da turma, do contexto escolar e dos recursos disponíveis.

BNCC e o Folclore no Currículo

A BNCC estabelece que o ensino fundamental deve contemplar o estudo do folclore brasileiro e suas manifestações culturais.

O professor pode utilizar a BNCC como referência para elaborar o plano de aula, selecionando conteúdos e atividades que estejam alinhados com as competências e habilidades previstas na Base.

É fundamental que ao elaborar um plano de aula sobre folclore, o professor deve levar em consideração a diversidade cultural do país e valorizar as diferentes manifestações culturais presentes em cada região.

Dessa forma, os alunos poderão compreender e valorizar a riqueza cultural do Brasil e desenvolver uma consciência crítica em relação à sua própria identidade cultural.

Desenvolvimento de Atividades

Desenvolvimento de Atividades

Para que o plano de aula sobre folclore seja efetivo, é importante que o desenvolvimento das atividades seja lúdico e educativo, de modo que os alunos possam aprender de forma divertida e prática.

Algumas sugestões de atividades que podem ser realizadas são:

Atividades Lúdicas e Educativas

Atividades lúdicas e educativas são uma ótima maneira de ensinar sobre folclore aos alunos do ensino fundamental.

Uma das atividades que pode ser realizada é a contação de lendas e histórias relacionadas ao folclore brasileiro.

Além disso, é possível realizar jogos e brincadeiras que envolvam o tema do folclore, como o jogo de amarelinha, por exemplo.

Integração de Vídeos e Mídias

A integração de vídeos e mídias pode ser uma maneira interessante de complementar as atividades sobre folclore.

É possível utilizar vídeos que retratem danças, canções e outras manifestações culturais do folclore brasileiro.

Além disso, é possível utilizar a internet para pesquisar informações e curiosidades sobre o tema.

Artes e Trabalhos Manuais

As artes e trabalhos manuais são uma ótima maneira de estimular a criatividade dos alunos e também de ensinar sobre o folclore brasileiro.

É possível realizar atividades de desenho, utilizando guache, giz de cera, lápis ou lápis de cor, por exemplo.

Além disso, é possível realizar atividades práticas, como a confecção de instrumentos musicais ou de brinquedos populares brasileiros.

Recursos Didáticos e Materiais

Recursos Didáticos e Materiais

Para elaborar um plano de aula sobre folclore para alunos do ensino fundamental, é importante contar com uma variedade de recursos didáticos e materiais que possibilitem a exploração de diferentes aspectos da cultura popular brasileira.

Nesta seção, serão apresentados alguns exemplos de materiais que podem ser utilizados em sala de aula.

Livros e Literatura

A literatura é um recurso valioso para o ensino do folclore, pois permite que os alunos sejam apresentados a diferentes histórias, lendas e mitos que fazem parte da cultura popular brasileira.

Além disso, a leitura de livros infantis pode despertar o interesse dos alunos pelo tema, tornando as aulas mais dinâmicas e interativas.

Algumas sugestões de livros que podem ser utilizados são:

  • “O Saci”, de Monteiro Lobato
  • “O Boi da Cara Preta”, de Sérgio Caparelli
  • “Lendas do Sul”, de Simões Lopes Neto

Músicas e Danças Tradicionais

A música e a dança são elementos fundamentais da cultura popular brasileira e podem ser utilizadas como recursos didáticos para o ensino do folclore.

Além de serem divertidas, essas atividades permitem que os alunos conheçam diferentes ritmos e tradições regionais.

Algumas sugestões de músicas e danças que podem ser trabalhadas em sala de aula são:

  • “Ciranda, Cirandinha”
  • “A Canoa Virou”
  • “Festa do Interior”, de Gal Costa

Artesanato e Criação Artística

O artesanato e a criação artística são recursos que permitem que os alunos explorem sua criatividade e produzam objetos que estejam relacionados ao tema do folclore.

Essas atividades também podem ser utilizadas para estimular a coordenação motora e a concentração dos alunos. Algumas sugestões de atividades que podem ser realizadas são:

Em resumo, a utilização de diferentes recursos didáticos e materiais é fundamental para o ensino do folclore para alunos do ensino fundamental.

A literatura, a música, a dança, o artesanato e a criação artística são exemplos de recursos que podem tornar as aulas mais dinâmicas e interativas, além de permitir que os alunos conheçam e valorizem a diversidade cultural brasileira.

Avaliação e Feedback

Avaliação e Feedback

A avaliação é um processo fundamental em qualquer plano de aula, pois permite ao professor avaliar o aprendizado dos alunos e identificar possíveis lacunas no processo de ensino.

Durante o plano de aula sobre folclore, é importante aplicar uma avaliação formativa e somativa para acompanhar o progresso dos alunos e garantir que eles estejam aprendendo.

Para aplicar uma avaliação formativa, o professor deve prestar atenção aos processos de aprendizagem dos alunos e fornecer feedback constante.

Isso pode ser feito por meio de perguntas abertas, atividades em grupo, jogos educativos, entre outros.

O objetivo é identificar o que os alunos sabem e o que ainda precisam aprender, para que o professor possa ajustar o plano de aula de acordo com as necessidades dos alunos.

Já a avaliação somativa é realizada ao final do plano de aula, para avaliar o aprendizado geral dos alunos.

Nesse caso, é importante utilizar diferentes tipos de avaliação, como provas, trabalhos em grupo, apresentações, entre outros. O objetivo é avaliar se os alunos alcançaram os objetivos de aprendizagem estabelecidos no plano de aula.

Além disso, é importante fornecer feedback aos alunos durante todo o processo de aprendizagem. Isso pode ser feito de diversas formas, como elogios, críticas construtivas, sugestões de melhoria, entre outros.

O feedback ajuda os alunos a entenderem o que estão fazendo bem e o que precisam melhorar, incentivando-os a se esforçarem mais e a se desenvolverem como estudantes.

Conclusão

Conclusão

Ao finalizar o plano de aula sobre folclore para alunos do ensino fundamental, é possível notar a importância de trabalhar com esse tema.

Através do folclore, é possível abordar a diversidade cultural presente em nosso país, permitindo que os alunos compreendam melhor a identidade nacional e as tradições que a compõem.

Além disso, o folclore é um patrimônio cultural imaterial que deve ser valorizado e preservado.

Ao ensinar as brincadeiras e danças folclóricas, os alunos têm a oportunidade de conhecer e se conectar com a cultura de seus antepassados e compreender a importância de preservar essas tradições para as gerações futuras.

Por fim, é importante destacar que o plano de aula deve ser elaborado de forma cuidadosa e planejada, levando em consideração as necessidades e interesses dos alunos.

É fundamental que o professor tenha conhecimento sobre o tema e esteja preparado para abordá-lo de forma clara e objetiva, utilizando recursos didáticos que facilitem a compreensão dos alunos.

Plano de Aula Pronto

Use livremente e adapte com sua turma o plano de aula abaixo.

Plano de Aula: Folclore Brasileiro para Alunos do Ensino Fundamental 2

Tema: Folclore Brasileiro

Objetivo Geral: Promover o conhecimento e valorização do folclore brasileiro, desenvolvendo a compreensão das manifestações culturais tradicionais.

Objetivos Específicos:

  1. Identificar e reconhecer as principais manifestações do folclore brasileiro.
  2. Compreender a importância cultural e histórica do folclore na formação da identidade brasileira.
  3. Estimular a criatividade e expressão artística dos alunos por meio das atividades propostas.

Campos de Experiência (BNCC):

  1. O eu, o outro e o nós: Compreensão da diversidade cultural brasileira.
  2. Corpo, gestos e movimentos: Expressão corporal nas atividades lúdicas.
  3. Traços, sons, cores e formas: Exploração das manifestações folclóricas visuais e sonoras.
  4. Escuta, fala, pensamento e imaginação: Desenvolvimento da expressão oral e pensamento crítico.

Passo a Passo:

1. Introdução (30 minutos): a. Roda de conversa sobre o que os alunos conhecem sobre folclore. b. Apresentação do conceito de folclore e suas principais manifestações. c. Exibição de vídeos ou imagens ilustrativas.

2. Atividade de Leitura (40 minutos): a. Leitura de contos folclóricos brasileiros. b. Discussão em grupos sobre os elementos presentes nas histórias. c. Produção de desenhos ou representações artísticas das histórias lidas.

3. Expressão Corporal (40 minutos): a. Apresentação de danças folclóricas brasileiras. b. Aulas práticas de passos simples das danças. c. Criação de coreografias em grupos.

4. Exploração Sonora (30 minutos): a. Apresentação de músicas folclóricas brasileiras. b. Discussão sobre os instrumentos musicais típicos. c. Atividade prática de criação de instrumentos musicais simples.

5. Trabalho em Grupo (50 minutos): a. Divisão dos alunos em grupos. b. Pesquisa sobre uma manifestação folclórica específica. c. Apresentação dos trabalhos para a turma.

6. Artes Visuais (40 minutos): a. Exploração de imagens representativas do folclore brasileiro. b. Atividade prática de criação de máscaras ou objetos folclóricos. c. Exposição dos trabalhos.

7. Encerramento (20 minutos): a. Roda de conversa para compartilhar as experiências e aprendizados. b. Sessão de perguntas e respostas. c. Distribuição de certificados de participação.

Recursos:

  • Livros de contos folclóricos.
  • Vídeos e imagens ilustrativas.
  • Músicas e instrumentos musicais.
  • Espaço para danças e expressão corporal.
  • Materiais para criação de máscaras e objetos artísticos.
  • Certificados de participação.

Avaliação:

  • Participação nas atividades.
  • Envolvimento na pesquisa em grupo.
  • Criatividade nas expressões artísticas.
  • Compreensão e respeito pela diversidade cultural.

Observações:

  • Adapte as atividades de acordo com o nível de conhecimento da turma.
  • Incentive a participação de todos os alunos, respeitando as diferentes formas de expressão.
  • Valorize a diversidade presente nas manifestações folclóricas brasileiras.
  • Este plano pode ser estendido ao longo de uma semana, com ajustes conforme necessário.

Perguntas Frequentes

Perguntas Frequentes

Como integrar o folclore na grade curricular do Ensino Fundamental de acordo com a BNCC?

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) prevê que a cultura brasileira e suas manifestações devem ser trabalhadas em sala de aula.

O folclore é uma dessas manifestações e pode ser integrado ao ensino de diversas disciplinas, como História, Geografia, Língua Portuguesa e Artes.

Para isso, é importante que os professores conheçam as tradições e lendas do folclore brasileiro e criem atividades que possam ser desenvolvidas em conjunto com as disciplinas.

Como desenvolver um plano de aula interdisciplinar sobre folclore para o Ensino Fundamental?

O plano de aula interdisciplinar deve contemplar a integração do ensino do folclore com outras disciplinas. Para isso, é importante que os professores se reúnam para discutir as possibilidades de integração.

Por exemplo, uma aula de História sobre a colonização do Brasil pode ser complementada com a história de personagens folclóricos como o Saci-Pererê ou o Curupira.

É importante que os objetivos de aprendizagem sejam claros e que as atividades sejam adequadas à faixa etária dos alunos.

Quais lendas e personagens do folclore são ideais para trabalhar com alunos do 6º ao 9º ano?

Para alunos mais velhos, é possível trabalhar lendas e personagens mais complexos, como a lenda do Boitatá ou a figura do Lobisomem.

É importante que os professores abordem essas lendas de forma crítica, levando em consideração a sua origem e o contexto histórico em que foram criadas.

Além disso, é importante que os alunos compreendam a importância dessas lendas para a cultura brasileira.

Como avaliar o aprendizado dos alunos em atividades sobre folclore?

A avaliação do aprendizado dos alunos pode ser feita de diversas formas, como por meio de trabalhos individuais ou em grupo, apresentações orais, produção de textos, entre outras.

É importante que os professores definam critérios claros de avaliação e que os alunos saibam quais são esses critérios antes de realizar as atividades.

Quais recursos didáticos podem ser utilizados para tornar o ensino do folclore mais atrativo?

Os recursos didáticos são fundamentais para tornar o ensino do folclore mais atrativo. Além dos livros e materiais didáticos, os professores podem utilizar recursos audiovisuais, como vídeos e músicas, e recursos tecnológicos, como jogos educativos e aplicativos.

É preciso que os recursos utilizados sejam adequados à faixa etária dos alunos e que contribuam para o aprendizado das tradições folclóricas brasileiras.

5/5 - (1 vote)
Compartilhe este Post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *