Pular para o conteúdo
Início » Artigos do Blog » Educação » Planos de Aula » Educação Infantil » Artes » Plano de Aula Texturas para Educação Infantil – Percepção Tátil

Plano de Aula Texturas para Educação Infantil – Percepção Tátil

Anúncio de Terceiros

Ainda Quebra a Cabeça com Planos de Aula?
Use Planos Prontos!

PLANOS PRONTOSAMOSTRAGANHE:
Educação InfantilVerAtividades para Imprimir + Bônus
Ensino Fundamental 1VerAtividades para Imprimir + Bônus
Ensino Fundamental 2VerAtividades para Imprimir + Bônus
Novo Ensino MédioVerAtividades para Imprimir + Bônus
Ver Tabela Completa por Disciplina

Plano de Aula Texturas

O ensino de artes visuais na educação infantil é fundamental para o desenvolvimento cognitivo e criativo das crianças. As atividades artísticas ajudam a desenvolver habilidades motoras, sensoriais e perceptivas, além de estimular a imaginação e a criatividade. Entre as diversas atividades que podem ser realizadas na educação infantil, o plano de aula sobre texturas é uma excelente opção para trabalhar a percepção tátil das crianças.

Plano de Aula

O plano de aula sobre texturas para educação infantil tem como objetivo desenvolver a coordenação motora fina das crianças, além de estimular a percepção tátil e visual. Para isso, é necessário desenvolver atividades que estimulem a exploração de diferentes texturas, como areia, argila, tecidos, papel, entre outros materiais.

Objetivos de Aprendizagem

Ao final do plano de aula sobre texturas, espera-se que as crianças sejam capazes de identificar diferentes texturas, desenvolvendo a coordenação motora fina, estimulando a criatividade e imaginação, além de trabalhar a percepção tátil e visual.

Pontos Principais

  • O plano de aula sobre texturas é uma excelente ferramenta para estimular a percepção tátil e visual das crianças na educação infantil.
  • As atividades artísticas ajudam a desenvolver habilidades motoras, sensoriais e perceptivas, além de estimular a imaginação e a criatividade.
  • Ao final do plano de aula sobre texturas, espera-se que as crianças sejam capazes de identificar diferentes texturas, desenvolver a coordenação motora fina, estimular a criatividade e imaginação, além de trabalhar a percepção tátil e visual.

Plano de Aula

Um plano de aula é um documento que contém as informações necessárias para que o professor possa ministrar suas aulas de forma organizada e eficiente. Nesse sentido, o plano de aula é uma ferramenta essencial para o planejamento e a execução das atividades pedagógicas.

Na educação infantil, o plano de aula é ainda mais importante, pois é nessa fase que as crianças estão começando a desenvolver suas habilidades cognitivas, motoras e sociais. Por isso, é fundamental que o plano de aula seja elaborado de forma cuidadosa e adequada à faixa etária das crianças.

Para o tema texturas, sugerimos um plano de aula com cinco aulas, com tempo estimado de 30 minutos cada. Esse plano de aula é direcionado à faixa etária de 3 anos e tem como objetivo principal estimular a percepção tátil das crianças, por meio da exploração de diferentes texturas.

Anúncio de Terceiros

ATIVIDADES PARA IMPRIMIR
Compre, Imprima e Aplique!

ATIVIDADEAMOSTRAGANHE:
Berçário e MaternalVerBônus Exclusivos!
Educação InfantilVerBônus Exclusivos!
Fundamental 1VerBônus Exclusivos!
Novo Ensino MédioVerBônus Exclusivos!
  Ver Todas as Atividades

A seguir, apresentamos o plano de aula detalhado:

AulaObjetivosConteúdoMetodologia
1– Estimular a percepção tátil das crianças;
– Identificar diferentes texturas;
– Desenvolver a coordenação motora.
– Tecidos de diferentes texturas;
– Papéis de diferentes texturas.
– Disponibilizar os materiais em uma mesa;
– Convidar as crianças a explorarem os materiais;
– Estimular a conversa sobre as diferentes texturas.
2– Identificar as texturas exploradas na aula anterior;
– Desenvolver a coordenação motora.
– Argila;
– Massinha de modelar.
– Disponibilizar os materiais em uma mesa;
– Convidar as crianças a modelarem diferentes formas;
– Estimular a conversa sobre as diferentes texturas.
3– Identificar as texturas exploradas nas aulas anteriores;
– Desenvolver a coordenação motora.
– Areia;
– Pedrinhas;
– Grãos de feijão.
– Disponibilizar os materiais em uma mesa;
– Convidar as crianças a brincarem com os materiais;
– Estimular a conversa sobre as diferentes texturas.
4– Identificar as texturas exploradas nas aulas anteriores;
– Desenvolver a coordenação motora.
– Alimentos com diferentes texturas (banana, uva, gelatina, etc.).– Disponibilizar os alimentos em uma mesa;
– Convidar as crianças a experimentarem os alimentos;
– Estimular a conversa sobre as diferentes texturas.
5– Identificar as texturas exploradas nas aulas anteriores;
– Desenvolver a coordenação motora.
– Tintas de diferentes texturas;
– Papéis de diferentes texturas.
– Disponibilizar os materiais em uma mesa;
– Convidar as crianças a pintarem com as tintas;
– Estimular a conversa sobre as diferentes texturas.

Com esse plano de aula, espera-se que as crianças possam desenvolver suas habilidades cognitivas, motoras e sociais, por meio da exploração de diferentes texturas. Além disso, o plano de aula também contribui para a formação de um ambiente educativo e lúdico, que estimula a curiosidade e a criatividade das crianças.

Objetivos de Aprendizagem

O objetivo principal do plano de aula sobre texturas é desenvolver habilidades sensoriais e cognitivas nas crianças. Essas habilidades ajudam as crianças a observar e comparar objetos, identificar suas propriedades e características, e estabelecer relações entre eles.

Para alcançar esses objetivos, o plano de aula deve estar alinhado com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que estabelece as habilidades e competências que as crianças devem desenvolver em cada etapa da educação básica. No caso do plano de aula sobre texturas, as habilidades da BNCC que devem ser trabalhadas incluem:

  • Estabelecer relações de comparação entre objetos, observando suas propriedades e características (Habilidade 4 da BNCC);
  • Identificar diferentes texturas e suas características (Habilidade 5 da BNCC);
  • Desenvolver a percepção tátil e o reconhecimento de diferentes materiais (Habilidade 5 da BNCC).

Além disso, o plano de aula deve levar em consideração os direitos de aprendizagem e desenvolvimento das crianças, conforme estabelecido pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Isso significa que o plano de aula deve ser inclusivo, respeitando as diferenças individuais de cada criança e promovendo a participação de todos os alunos.

No geral, o objetivo do plano de aula sobre texturas para educação infantil é proporcionar uma experiência sensorial rica e diversificada para as crianças, ajudando-as a desenvolver habilidades importantes para sua vida acadêmica e pessoal.

Atividades

Durante as aulas que exploram as texturas na educação infantil, diversas atividades podem ser realizadas para estimular a percepção sensorial das crianças.

Uma das atividades possíveis é a exploração de diferentes materiais de texturas variadas, como tecidos, papéis, plásticos, entre outros. A criança pode tocar, amassar, esfregar, rasgar e sentir as diferentes sensações que cada material proporciona.

Outra atividade interessante é trabalhar com novelos de lã, em que as crianças podem desenrolar, enrolar, puxar e sentir a textura da lã. Além disso, é possível fazer uma atividade de colagem com lã, em que as crianças podem criar imagens abstratas usando a lã como elemento principal.

Para trabalhar a superfície do quadro, os quadros de EVA podem ser uma boa opção. As crianças podem colar materiais de diversos formatos e texturas para criar uma obra de arte única e interessante.

Outra atividade que pode ser realizada é a criação de uma caixa de sensações, em que a criança pode explorar diferentes materiais de texturas variadas em uma caixa. Essa atividade pode ser feita em grupo ou individualmente, e é uma ótima forma de estimular a percepção sensorial das crianças.

Todas essas atividades podem ser realizadas durante a aula de texturas para educação infantil, proporcionando um ambiente lúdico e estimulante para as crianças explorarem diferentes sensações táteis e visuais.

Exploração de Texturas

A exploração de texturas é uma atividade muito importante na educação infantil, pois permite que as crianças descubram diferentes sensações táteis e visuais. Durante essa atividade, as crianças têm a oportunidade de manipular diferentes materiais, como EVA, plástico, algodão, areia, cartão, tintas, tinta guache, giz de cera, lápis de cor, massa, entre outros.

Para explorar as diferentes texturas, as crianças podem utilizar materiais como areia colorida, papelão, colagem, contas, crepom, EVA, entre outros. A manipulação de materiais é uma parte importante da atividade, pois permite que as crianças experimentem diferentes sensações táteis e visuais.

Durante as atividades, as crianças também podem expressar sua criatividade e imaginação por meio da expressão artística. Elas podem criar diferentes superfícies, como superfícies macias, onduladas, lisas, entre outras. Para isso, podem utilizar diferentes pincéis e técnicas de pintura.

Anúncio de Terceiros

ATIVIDADES PARA IMPRIMIR
Compre, Imprima e Aplique!

ATIVIDADEAMOSTRAGANHE:
Educação EspecialVerBônus Exclusivos!
Jogos PedagógicosVerBônus Exclusivos!
Datas ComemorativasVerBônus Exclusivos!
Para AlfabetizaçãoVerBônus Exclusivos!
Ver Todas as Atividades

Como dito anteriormente, uma das atividades mais populares para a exploração de texturas é a caixa das sensações. Nessa atividade, as crianças são convidadas a colocar as mãos em diferentes objetos, como novelos de lã, murais, lixa, entre outros, e adivinhar qual é o objeto apenas pelo tato.

Desenvolvimento da Coordenação

O desenvolvimento da coordenação é uma das habilidades mais importantes que as crianças devem aprender durante a educação infantil. A coordenação é a capacidade de controlar os movimentos do corpo de forma precisa e eficiente, e é uma habilidade que é necessária para realizar atividades diárias, como escrever, desenhar, comer e se vestir.

A coordenação motora é a habilidade de coordenar os movimentos dos músculos do corpo para realizar uma tarefa específica. A coordenação motora fina é a capacidade de controlar os movimentos dos músculos menores do corpo, como os dedos, para realizar atividades precisas, como escrever, desenhar e recortar.

Durante a educação infantil, é importante que as crianças tenham a oportunidade de desenvolver suas habilidades de coordenação e coordenação motora fina. Os professores podem incluir atividades que ajudem as crianças a melhorar suas habilidades motoras, como desenhar, pintar, recortar, colar, modelar e construir.

Além disso, os professores também podem incluir atividades que ajudem as crianças a desenvolver suas habilidades sensoriais, como tocar diferentes texturas, sentir diferentes temperaturas e experimentar diferentes sabores. Essas atividades ajudam a melhorar a coordenação motora e a coordenação motora fina, bem como a capacidade das crianças de compreender o mundo ao seu redor.

Estímulo à Criatividade

Na Educação Infantil, é fundamental estimular a criatividade das crianças. Através da exploração das texturas, é possível incentivar a imaginação e a expressão dos pequenos.

Anúncio de Terceiros

ATIVIDADES PARA IMPRIMIR
Compre, Imprima e Aplique!
ATIVIDADEAMOSTRAGANHE:
Consciência FonológicaVerBônus Exclusivos!
Inglês e EspanholVerBônus Exclusivos!
Atividades BíblicasVerBônus Exclusivos!
Atividades NatalinasVerBônus Exclusivos!
Ver Todas as Atividades

Os professores podem criar atividades que envolvam diferentes materiais com texturas variadas, como tecidos, papel crepom, areia, entre outros. Dessa forma, as crianças podem experimentar e descobrir novas sensações táteis, o que ajuda a estimular a criatividade.

Além disso, é importante que as atividades sejam lúdicas e divertidas, para que as crianças se sintam motivadas a participar. É possível, por exemplo, criar jogos e brincadeiras que envolvam o uso de diferentes texturas, como adivinhar o que está escondido em uma caixa com objetos de diferentes materiais.

Ao estimular a criatividade das crianças, os professores também estão contribuindo para o desenvolvimento da expressão e da imaginação dos pequenos. Essas habilidades são fundamentais para o aprendizado e para a formação de indivíduos criativos e capazes de pensar fora da caixa.

Avaliação

A avaliação é um processo muito importante no plano de aula de texturas para a educação infantil. É por meio dela que o professor pode verificar se os objetivos propostos foram alcançados e se houve uma participação ativa das crianças durante as atividades.

A avaliação deve ser feita de forma qualitativa, observando as habilidades e competências desenvolvidas pelas crianças durante as atividades com texturas. É importante destacar que a avaliação não deve ser punitiva, mas sim um instrumento para orientar o processo de ensino e aprendizagem.

Durante a avaliação, o professor pode utilizar diferentes estratégias, como observação direta, registro de comportamentos, trabalhos em grupo, entre outros. É importante que o professor esteja atento às necessidades individuais de cada criança, respeitando o tempo e o ritmo de aprendizagem de cada uma.

Além disso, a participação das crianças também é fundamental durante a avaliação. É importante que elas sejam incentivadas a expressar suas opiniões e sentimentos em relação às atividades, contribuindo para o processo de avaliação e para o desenvolvimento de habilidades sociais.

Materiais Necessários

Para o desenvolvimento do plano de aula sobre texturas para educação infantil, são necessários alguns materiais que serão utilizados pelos alunos. Esses materiais são comuns em atividades de artes e podem ser encontrados facilmente em papelarias ou lojas de materiais escolares.

Dentre os materiais necessários, é importante destacar a presença de cola e tesoura. A cola é utilizada para fixar os materiais nas folhas de papel, enquanto a tesoura é utilizada para recortar os materiais. É importante que a quantidade de cola e tesouras seja suficiente para todos os alunos, a fim de evitar atrasos e interrupções na atividade.

Além disso, é necessário ter uma variedade de materiais diversos, como papéis de diferentes texturas e cores, tecidos, lãs, barbantes, entre outros. Esses materiais devem estar disponíveis em quantidades suficientes para que todos os alunos possam utilizá-los. O tamanho dos materiais deve ser adequado para as mãos das crianças, permitindo que elas possam manuseá-los facilmente.

A manipulação de materiais diversos é uma parte importante da atividade sobre texturas. Por isso, é necessário que os materiais sejam fáceis de manipular pelas crianças, sem oferecer riscos à sua segurança. É importante que os materiais sejam selecionados de acordo com a faixa etária dos alunos, evitando materiais que possam ser perigosos para crianças pequenas.

Assim, para a realização do plano de aula sobre texturas, é necessário ter à disposição dos alunos uma variedade de materiais diversos, cola e tesoura em quantidades suficientes, materiais de tamanho adequado e fáceis de manipular. Com esses materiais, os alunos poderão desenvolver sua criatividade e habilidades manuais, além de aprender sobre texturas e formas.

Ambiente de Aprendizagem

O ambiente de aprendizagem é um dos fatores mais importantes para garantir o sucesso do plano de aula. A sala de aula deve ser um espaço acolhedor, seguro e estimulante, que proporcione às crianças um ambiente favorável ao aprendizado. Para isso, é importante que a sala de aula seja organizada de forma a incentivar a concentração e o interesse das crianças.

Os espaços e tempos devem ser bem definidos e planejados, de forma que as crianças possam se concentrar nas atividades propostas. É importante que as crianças se sintam à vontade para explorar e experimentar, e que tenham liberdade para se expressar e interagir com os colegas.

As relações entre as crianças também são fundamentais para garantir um ambiente de aprendizagem saudável. É importante que os alunos sejam incentivados a se respeitar e a colaborar uns com os outros. Além disso, é importante que os professores estejam sempre atentos às transformações que ocorrem no ambiente de aprendizagem, de forma a garantir que as atividades propostas estejam adequadas às necessidades e interesses das crianças.

Por fim, é fundamental que o plano de aula esteja alinhado com os campos de experiências estabelecidos pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Dessa forma, as atividades propostas serão mais significativas e contribuirão para o desenvolvimento integral das crianças.

Perguntas Frequentes sobre este Assunto

Como trabalhar com diferentes texturas na Educação Infantil?

Trabalhar com diferentes texturas na Educação Infantil pode ser uma atividade divertida e educativa para as crianças. Os professores podem utilizar materiais como areia, massinha de modelar, tecidos, papel crepom, entre outros, para que as crianças possam explorar as diferentes texturas. É importante que os materiais sejam seguros e adequados para a idade das crianças.

Quais são os objetivos de trabalhar com texturas na Educação Infantil?

Trabalhar com texturas na Educação Infantil pode ajudar as crianças a desenvolverem a percepção sensorial, a coordenação motora, a criatividade e a imaginação. Além disso, as atividades com texturas podem ajudar as crianças a desenvolverem a linguagem, a comunicação e a interação social.

Quais são as atividades sobre texturas para imprimir?

Existem diversas atividades sobre texturas para imprimir disponíveis na internet. Os professores podem encontrar atividades como jogos de memória, quebra-cabeças, labirintos, entre outros, que envolvem a identificação e o reconhecimento de diferentes texturas.

Como desenvolver o projeto de texturas e sensações na Educação Infantil?

Para desenvolver um projeto de texturas e sensações na Educação Infantil, os professores podem iniciar com atividades simples de exploração de diferentes texturas. Em seguida, podem trabalhar com atividades que estimulem a percepção sensorial, como jogos de adivinhação e atividades que envolvam os cinco sentidos. É importante que o projeto seja adaptado para a idade das crianças e que os materiais utilizados sejam seguros.

Quais são os tipos de texturas para trabalhar na Educação Infantil?

Existem diversos tipos de texturas que podem ser trabalhados na Educação Infantil, como texturas ásperas, lisas, rugosas, macias, entre outras. Os professores podem utilizar materiais como areia, massinha de modelar, tecidos, papel crepom, entre outros, para que as crianças possam explorar as diferentes texturas.

Como trabalhar com texturas no Berçário?

No Berçário, as atividades com texturas devem ser adaptadas para a idade das crianças. Os professores podem utilizar materiais seguros e adequados para a idade das crianças, como tecidos macios, pelúcias, bolas de diferentes texturas, entre outros. As atividades devem ser simples e envolver a exploração de diferentes texturas. É importante que os materiais sejam higienizados adequadamente antes e depois das atividades.

5/5 - (1 vote)
Compartilhe este Post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prezado(a) Educador(a), o Conteúdo Integral deste artigo é Exclusivo para Assinantes.

Seja ASSINANTE e veja o conteúdo integral dos Artigos.
Tenha acesso livre aos -Planos de Aula - e -Atividades-

Torne-se ASSINANTE e tenha Acesso às Ferramentas Inteligentes:
Gerador Automático de Planos de Aula -
-Gerador de Ideias de Atividades-

Ganhe BRINDES de Atividades para Imprimir; desfrute de Vantagens Exclusivas!👇